O Outro Lado do Paraíso: Juvenal pedi Desireé casamento.

Na novela O Outro Lado do Paraíso, Juvenal  acabará se apaixonando pela Desireé e chegará a pedir a morena em casamento.

O lapidador vai até o local de trabalho da amada e fará o pedido. “Eu sinto falta de você”, declara. “Falta das tuas visitas. Falta da tua alegria”, comenta “Ai, Juvenal, falando assim até me emociona”, fala ela.

“É isso. Caí no teu laço. Eu caso”, anuncia. “Casa como, se nem o pedido de casamento fez?”, questiona. “Tou farto de saber que quer casar comigo. Até queria se passar por virgem pra casar”, dirá. “Juvenal, aquilo foi em outra vida”, comenta ela, A medida que o rapaz se ajoelha e realiza o pedido formal.

No entretanto o que ninguém esperava foi que ela esconderia um novo segredo dele. Mantido sobre sigilo, as meninas do bordel fazem a insinuação e ela fica sem jeito. “Pegou o pato”, ironiza Caetana. “Ave, que ele não é pato, não. Ele já sabe da minha vida. Me pegou em flagrante trabalhando aqui, na noite, lembra?”, rebate ela.

E Leandra questiona: “Vai ficar morando aqui sem trabalhar, Desirée?”. “Não posso trabalhar, se o Juvenal me pega no flagrante de novo, não casa nunca mais”, aponta e a dona do bordel retruca: “Tá certo. Mas contou tudo sobre você?”. “Ah, Leandra, tudo tudinho não”, reage.

“Se vai casar com ele, tem que contar. Quer dizer…”, fala a mulher. “Tou esperando a hora certa”, diz a morena. “Já esperou demais, mulher”, aconselha Leandra. “É que eu nem sei como contar”, explica. “Vai deixar pra dizer na noite de lua de mel?”, indaga. “Não é melhor?”, questiona

“Não. Tem que contar antes. Senão, ele fica revoltado. Aí que não vai querer te ver nem coberta de ouro!”, dispara. Em sequencia ela vai até a casa de Juvenal decidida a contar tudo, porém acabará dando para trás. “Vim dar um beijo no meu amor. Trouxe um doce, olhe. Pra você”, inicia.

“Cê me trata bem demais. Vou acostumar”, comemora. “Acostume, porque assim será a nossa vida. Sabe, Juvenal…”, dirá ela. “Diz”, questiona, e ela desconversa: “Nada não. Só vim mesmo dar um beijo. Tenho que voltar”. “Só me diz uma coisa. Não tá trabalhando naquele lugar enquanto tamos esperando pra casar, tá?”, questiona ele.

“Nunca, Juvenal. Tou lá como hóspede. Até tou pagando pra ficar. Mas ainda tenho que conversar isso direito com a Leandra. Não se preocupa”, revela. “Não me preocupo. Sei que cê me ama de verdade”, comenta ele, e ela finaliza com um beijo, disfarçando que tem algo a dizer: “Não amo. Adoro!”.

Comentários